sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Discurso!! Discurso!!


Apreciem com Moderação.

Bom dia,



Bom dia aos alunos,professores,funcionários, e agora um Bom dia especial para os nossos universitários.


Hoje não estou aqui para falar o que vocês representam para mim.Até porque,eu teria que passar mais três anos contando e mesmo assim não terminaria.


Amigos,grandes histórias não tem final feliz.Por que grandes histórias não tem final.Porém nossa história teve um belo começo.


Quem iria adivinhar que dois mundos diferentes iriam se unir e formar a melhor e mais unida turma que esse colégio já presenciou?


Um primeiro ano cheio de novidades,boa parte se vendo pela primeira vez.Nem os mais otimistas iriam achar que essa turma iria chegar à algum lugar.


Um ano de 2007 conturbado,com várias traquinagens por parte da turma.Será mesmo que aquela turma iria fazer a diferença?


Pergunta que logo foi respondida na Feira de Ciências.O tema Aquecimento Global nunca foi tão bem tratado como foi na feira.Inovação e tecnologia por parte dos alunos fizeram a primeira diferença.Fomos a primeira turma a usar um data show numa apresentação,se tornando assim, turma referência em sua utilização.


Ta bom,tudo bem,mas e as notas dessa turma?


Nunca vi adolescentes tão aplicados e desesperados para aprender física.Perdi a conta das noitadas estudando força,trabalho e energia.Esta aí, o primeiro sinal que iríamos ser unidos.Na alegria das traquinagens, ou nas tristezas das notas.


O ano se passou.Alguns se foram,ou repetiram,mas só os fortes sobreviveram.O ano de 2008 seria marcado pelas provações e desafios que teríamos que passar.


Com uma turma menor,incrivelmente se tornamos mais fortes.Ok, não nego,as notas não deram aquela subida esperada,mas estavam um pouco melhor.Ta bom,eu digo, quase nada melhor.Mas até parece que ligávamos...


Confesso a vocês,não sou bom de datas.Porém as ocasiões que me marcaram eu lembro, e muito bem.


No dia 13 de Agosto de 2008,alguns de nós tiveram a grande idéia de acender um isqueiro na sala.Meu que donzelice,o cara da tua idade velho, fazendo isso em pleno segundo ano médio.


Calma,pow,só to brincando.Graças a essa atitude, fizemos a então coordenadora Andrea chorar,fizemos a diretoria nos odiar,mas além de tudo, fizemos o segundo ano passar de uma simples turma,para uma família.


Num dia que não tava nada legal para mim,que até hoje devo uma ataca a Bia,foi o dia que aconteceu a coisa mais importante na minha vida desde que eu estudo nesse colégio.Passei a enxergar vocês de outra forma,passei a encarar vocês como homens e mulheres maduros e não simplesmente aborrecentes.


Dois dias depois,na sexta feira,15 de agosto.Tivemos uma bela de uma reunião com nossos pais.Eita maravilha, todo mundo nos crucificando,teria então salvação para o segundo ano?


Claro que tem,eu to falando da FAMILIA segundo ano,e como a vida é uma caixinha de surpresas nenhum deles esperavam ouvir nossa voz naquele dia.Conseguimos mudar.Conseguimos desafiar todas as limitações que tinham nos instituídos.Conseguimos ouvir aplausos e incentivos.A partir dessa data nada seria igual na nossa vida.


Nunca me esqueço.Pop dizendo,hoje vocês estão nos aplaudindo,mas com certeza lá na frente vocês irão nos aplaudir ainda mais.


O ano terminou.Muitas pessoas não iram continuar no próximo ano..E por ironia do destino,mais uma vez a turma se fortaleceu.E no dia primeiro de fevereiro,o último primeiro dia de aula.Ora, porque último? Se você ta tão triste assim, porque você não repete esse ano?


Ééééé... melhor ser o último mesmo né não?


Com toda a pressão aplicada com o vestibular, com todas as cobranças e expectativas sobre nós como seria esse ano.Como foi o ano de 2009.


Perdi a conta de quantas mudanças ocorreram esse ano.Enem ou vestibular tradicional? Eis a questão.


Deixemos isso pra lá,porque boa parte da turma não tava nem aí mesmo.Eu ainda nem tô ligando.


“Por que a nossa onda acabou...Chegou o Enem...Por que quem ta lascado é nós e nem sorte a gente tem..”


2009,foi um ano que choramos juntos,brigamos juntos,brincamos juntos, saímos juntos,fomos para casa juntos,foram para a minha casa juntos.Por que o grande diferencial do nosso terceiro ano,é que sempre fazemos as coisas juntos.


Mesmo não sabendo em que época é a Páscoa,sem ter a menor noção do que falamos,das inúmeras besteiras que pronunciamos .Pérolas? não, são quase diamantes.Ou pedrinhas comuns mesmo,porque já é normal ouvir pelo menos quinze por dia.


E as inúmeras formas carinhosas de chamamento.Cada um tem um especifico,que vai do mais amoroso, a o mais bizarro,só pra constar, meu nome é Ilkerson, não é apelido.


Apesar disso tudo, conseguimos surpreender a todos.Ninguém nunca viu um trabalho que até a Globo tem inveja.Ora,não foi fácil fazer um jornal totalmente televisionado,com câmeras alternadas e até com patrocínio do complemento vitamínico FORTE Já.A venda na secretária com Amália ou Djá.


Fizemos festas de aniversários surpresas.Poxa,isso só mostra o carinho que temos entre nós.


Conseguimos um tema dos jogos com a nossa cara.O melhor jogos já produzidos no 90,teve nossa participação.Quem seria mais palhaços nesse colégio que o Terceiro? Me digam ninguém.


E a feira? Me digam outra turma que conseguiu ir na doida pra SUAPE,sem oficio nenhum,apenas com a cara e a coragem.Nosso trabalho ficou tão bom,nós empenhamos tanto.E mesmo com todas as injustiças das notas,não deixamos a união de lado.


Bom o ano esta acabando,já conhecemos alguns de nossos vencedores.Mas,independente do que digam de vocês,pra mim, só por conviverem nessa turma,somos todos vencedores.Acredito em vocês,e não há ninguém nessa face dessa Terra que possa dizer que vocês não tem capacidade.


Acho que sou bastante prepotente em dizer,que não estudamos porque somos bons de mais pra esses fraquinhos que passam dia e noite comendo livro.Somos os melhores.Deixem eles estudarem,a vaga já é nossa mesmo.


Por que o mundo é grande, mas é só uma ilha.Se eu pudesse, seria um naufrago eterno nessa pequena porção de terra chamada Terceiro ano.


Nessa grande ilha chamada Terra ninguém ama vocês mais do que eu.Agora eu quero ouvir os aplausos que Pop disse lá trás.Porque hoje, estou muito orgulhoso no que vocês se tornaram. Vocês merecem todo o sucesso do mundo.


De todo o coração,eu, Ilkerson Calebe,ou Xilkerson Celebre,ou somente Xil, ou mais conhecido como Irmão.


Amo muito vocês.

4 Comentários:

Cleonice disse...

que liindo *--*
terceiro anoo ♥ eterno

M@rT!n$ disse...

q legal
oa lembrei daquela data
5 de fev de 2007
foi quando a gente começou
hehehehehehehe

Victor disse...

"Amigos,grandes histórias não tem final feliz.Por que grandes histórias não tem final.Porém nossa história teve um belo começo."

Nossa, eu amei essa frase. Muito linda!

Bom, é incrível como nós criamos uma família em todos os lugares que vamos. Mesmo que seja uma "família de colegas", mas uma família. Foi interessante você (Ilkerson) ter feito um post como esse, refletindo todos os momentos bons com sua turma.

O que eu tenho a dizer sobre a minha (2° ano)? Talvez nada o suficiente p/ emocionar, mas o suficiente p/ me tornar um dos alunos mais felizes do ano. Sei que aquela sala está cheia de gente chata e falsa, mas eu gostava da falsidade porque eu era pior assim mesmo :P Okay, eu sei que eu estou me aproveitando do post, mas eu quis falar sobre esse sentimento que o Ilkerson abordou aí em cima.

É difícil mudar, é difícil ter que se adequar à realidade dos outros, mas é importante reconhecer os momentos (todos os momentos) que você viveu com essas pessoas. Muita gente não entende, mas os nossos 'colegas' de turma são as pessoas mais importantes de nossas vidas quando estudamos, porque são elas as quais convivemos e compartilhamos os NOSSOS momentos.

Victor disse...

ah, eu esqueci de falar... Medo, muito medo de Iraci na foto! #prontofalei

Postar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO